,

No estúdio fotográfico de Fidanza: a construção da imagem das mulheres escravizadas na cidade de Belém (1869-1875)

by Amanda Gatinho Teixeira

$0.00

O presente artigo procura analisar parte da obra do fotógrafo português Fe-lipe Augusto Fidanza, que começou a trabalhar em Belém no ano de 1867, tornando-se uma das principais referências no campo da fotografia da região Norte brasileira. Sua obra compõe um importante acervo documental da virada do século XX, em que foram retra-tados cenas urbanas do cotidiano da cidade e “tipos” sociais que circulavam pelas ruas. A partir da análise de cinco fotografias de diferentes mulheres, observamos seus vestuários e adornos corporais, bem como suas expressões e posturas que nos concedem importan-tes pistas que ajudam a revelar suas identidades e parte de suas respectivas histórias.

This paper aims to analyze part of the work of the Portuguese photographer Felipe Augusto Fidanza, who started photographing in Belém city in 1867, becoming one of the main references in the field of photography in the north Brazilian region. His work is part of an important documentary collection from the turn of the 20th century, in which urban scenes of everyday life in the city and the social “types” that circulated on the streets were portrayed. From the analysis of five photographs of different women, we observe their clothing and body adornments, as well as, their expressions and postures that grant us important clues that help to reveal their identities and part of their respective stories.

Obtain this resource »

The Library